Maldade em nome da ciência. Até quando?


 

Experimentos em animais. Até quando isso vai acontecer? Até quando eles irão sofrer de graça “em nome da ciência”? Não evoluímos o bastante para terminar com essa ignorância que só trás sofrimento?

É um absurdo. Enquanto vemos nossos bichinhos em casa, brincando, correndo, levando uma vida feliz, bem cuidados saber que esses cães (de raça) tão lindos e inteligentes estão tristes na gaiola, sofrendo solidão, medo e dor.

São cobaias de universidades, de empresas de cosméticos e tantas outras que insistem em fazer maldades com esses seres inocentes alegando que é para o bem da humanidade. Olha, eu posso muito bem usar NATURA e não consumir a porcaria da AVON. Posso lavar a louça com Ypê ao invés de Limpol. E é essa a postura que devemos tomar. Boicote às marcas que testam em animais!

A expressão cruelty-free (livre de crueldade) nas empresas deveriam ser levadas mais a serio. Responsabilidade social e ambiental começa aí. Não podemos nos sentir bem usando uma porcaria que derramou sangue e dor em seres inocentes. Não! Chega!

E não pense que isso é um problema de cunho internacional apenas. Temos testes no Brasil também caso não saibam.

No dia 28/04 entarará para a história como o dia que italianos libertaram quarenta beagles confinados a anos na empresa Green Hill. Atitude louvável e coisa linda de se ver aqueles cães confinados ao sofrimento e morte serem libertados e tendo chance de uma nova vida.

Mas sabia que em Maringá, bem pertinho de nós, aqui no Paraná, tem uma Universidade que faz experimentos nessa raça e que desde ano passado (por volta de outubro) tem corrido processo após denúncia ao MP?

Olha… já são cerca de sete meses e eu fico imaginando o que será que está acontecendo com esses pobres seres lá dentro. Eu fico imaginado também que merda (perdoe-me a palavra) de gente se habilita em estudar numa universidade dessas. É horrendo, desprezível e inadmissível. Dane-se a odontologia, aposto que os dentes humanos nada tem a ver com os dos cães beagles exceto pelo trocadilho dos nomes “caninos”.

Eu estou indignada e queria que nós, brasileiros, fossemos um povo com mais atitude, fizéssemos como os italianos e arrebentassem a boca do balão. Vamos invadir resgatar e pronto. Sim, pois na Itália não foi apenas um grupinho de ativistas, foi toda uma mobilização da sociedade. Foi uma multidão de 1000 pessoas em cima da empresa. Ainda tem 2500 para serem libertos lá, 12 pessoas foram presas (já foram libertadas) e 40 cães salvos. Mas o recado foi dado  e tenho certeza que essa repercussão internacional fará o processo correr mais rápido e em breve todos serão libertos. A Green Hill não será mais bem vinda à Itália.

Maringá, acorda! Olha que propaganda negativa que está saindo na mídia a respeito dessa cidade. Olha que horror que tem despertado nas pessoas que tomam conhecimento do caso. É ridículo que até agora nada tenha sido feito para acabar com isso. Chega! E a responsabilidade do Estado? Sim, pois a UEM é a Universidade Estadual do Paraná. Que lindo né?

Vamos manifestar nossa indignação! Fazer com que saibam que não concordamos com o sofrimento que esses animais (os beagles, outros cães, macaquinhos, hamsters e tantos outros…) vêm sendo submetidos. Compartilhe essa ideia!

 

Texto: Fernanda Moreno

 

Não deixe de acessar:

Empresas que testam em animais: http://www.pea.org.br/crueldade/testes/testam.htm

Matéria dos Beagles de Maringá: http://www.gazetadopovo.com.br/vidaecidadania/conteudo.phtml?id=1177940

Matéria dos Beagles na Itália: http://neafa.org.br/italia-ativistas-resgatam-beagles-que-seriam-explorados-por-vivisseccionistas/

Este vídeo mostra um resgate de begles nos EUA, eles nunca tinham visto a luz do sol, andando na grama… é lindo e comovente: http://www.youtube.com/watch?v=IFtJeKojFfI&feature=related

 

 

1 Response so far »

  1. 1

    […] Maldade em nome da ciência: até quando? Leia o artigo da Fernanda sobre o caso dos beagles na Itália e no Brasil, com bastante revolta […]


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: