O pesadelo dos apertamentos


Começa de novo uma grande preocupação para nós, protetores.

“Na Vila Jundiaí, em Jundiapeba, pelo menos 200 animais entre cães e gatos devem ser abandonados após a transferência de moradores da área de risco para unidades do programa “Minha Casa, Minha Vida”, que acontece nesta quarta-feira (27). O levantamento foi feito pela Organização Não Governamental Adote Já e mostra uma situação parecida com a que foi vista em janeiro, com a saída de moradores da Favela do Cisne, no Rodeio, também contemplados no projeto do Governo Federal. Estes animais deverão se somar à população de aproximadamente 8 mil já abandonados em Mogi das Cruzes.
De acordo com a voluntária da ONG, Karina Perillo, os casos de abandono de animais cresceram substancialmente nos últimos meses. “Só no Cisne mesmo a gente tendo retirado de 15 a 20 animais, ainda restam outros 40”, aponta. No início do ano, a Prefeitura foi até a área de risco e cadastrou todos os animais, mas o problema persiste, já que a situação de abandono e de maus-tratos não tem uma solução eficiente”. (Danilo Sans)

http://www.odiariodemogi.inf.br/cidades/cidades/3010-mais-animais-serao-abandonados.html

Abaixo vocês poderão conferir fotos que tiramos no início deste ano no Rodeio, na favela do Cisne. Lá os animais foram castrados pela zoonozes após muita insistência da ONG e dos protetores independentes.

A história mais comovente nessa nossa passagem pela favela foi da cadelinha Nina e seu amigo Gatão. Ela é a cachorrinha amarela ai das fotos… Aguardava pela dona sob os entulhos que um dia fora o cômado da cozinha da casa que morava com a família. Por informação de vizinhos fizemos contato com a dona e ela pediu que levassemos até ela. Foi uma alegria só a Nina quando viu a família… ela não se continha de tanta felicidade. A ONG doou a castração da Nina que não tinha sido castrada pela Prefeitura e ela está com sua dona junto do gato.

Não há lei que passe por cima da Lei Estadual que permite sim animais em apartamentos. A lei de condomínio não se sobrepõe a uma Lei do Estado. Desde que o animal não cause transtornos (se o dono cuidar nunca causará) a vizinhos é claro que é permitido. O que acontece é que muitos aproveitam o pretexto ou não ligam a mínima mesmo….

Não dá pra saber ao certo o que aconteceu com todos eles… muitos acredito, foram abandonados e ganharam o mundo porcurando a sobrevivência…

Hoje, 1º de julho, estivemos lá e verificamos que apenas quatro famílias ainda habitam o local e irão se mudar em breve. São ainda 16 animais adultos. Sendo que 15 deles as pessoas disseram que vão levar mas a Bolinha, me deu muita pena… está castrada e é um docinho. A dona foi embora tem uns dez dias e não levou. Vamos conseguir um lar para ela. Amanhã farei um post especial com as fotos da Bolinha…

Quem puder ajudar nessa questão… lar provisório, ração, castração… entre em contato com a ONG pelo tel 4796-2102

Fernanda

1 Response so far »

  1. 1

    Rosely said,

    Precisamos de uma opção eficiente um espeço doado pela prefeitura para abrigar estes animais voluntarios e funcionarios permanentes e castração urgente! acredito desta forma amenizar a situação… e multa pesada pela prefeitura para cada morador que abaqndonar seus animais …..


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: